menu
São Paulo - SP | Whatsapp: 11966761536
administrador
São Paulo - SP
PARADA GAY
ENTRETENIMENTO
ENTRETENIMENTO
PARADA GAY
Postada em 13/06/2017 ás 20h00 - atualizada em 13/06/2017 ás 20h18
21ª Parada do Orgulho LGBT deve reunir cerca de 3 milhões de pessoas em SP
Evento acontece no próximo domingo, das 12h às 18h, na região da Avenida Paulista
21ª Parada do Orgulho LGBT deve reunir cerca de 3 milhões de pessoas em SP

 



A Prefeitura de São Paulo e a Associação da Parada do Orgulho de Gays, Lésbicas, Bissexuais e Transgêneros de São Paulo apresentam nesta terça-feira (13) a programação e os preparativos para a 21ª Parada do Orgulho LGBT em São Paulo. O evento acontece no próximo domingo, das 12h às 18h, na região da Avenida Paulista, com o tema “Independente de nossas crenças, nenhuma religião é lei. Todas e todos por um estado laico”.



“Tudo indica que vamos ter um dia bonito e com toda a alegria que merece a Parada do Orgulho LGBT. Tenho absoluta certeza de que será um evento seguro, tranquilo, cheio de harmonia entre todos. Nossa mensagem é de respeito e compreensão”, disse o prefeito João Doria. 



A Parada do Orgulho LGBT de São Paulo é considerada a maior do mundo. Instituída oficialmente no calendário da cidade a partir do decreto 57.014/2016, ela contará em 2017 com um investimento de R$ 1.421.115,93 da Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria de Direitos Humanos e Cidadania, para infraestrutura do evento.





Cerca de 3 milhões de pessoas devem participar do evento, que terá como uma das atrações a cantora Daniela Mercury. A Parada contará com 19 trios elétricos patrocinados por instituições e empresas que apoiam o movimento LGBT e estão comprometidos com o combate e o fim da discriminação seja ela étnica, por sexo ou gênero.



Como nos outros anos, a concentração irá ocorrer às 10h, em frente ao Museu de Arte de São Paulo (MASP). O percurso será de aproximadamente 3,5 km, partindo da Avenida Paulista, seguindo pela Rua da Consolação. Após o término da manifestação, no Vale do Anhangabaú acontece o show de encerramento, que tem entre as atrações confirmadas a cantora Tâmara Angel e artistas da noite LGBT.



A Guarda Civil Metropolitana (GCM) e a Polícia Militar estarão mobilizadas no domingo para dar suporte ao evento. A Delegacia de Crimes de Intolerância (Decradi) também estará de prontidão caso ocorra algum caso de LGBTfobia durante o evento.



O trajeto contará com pontos de apoio com atendimento médico, bombeiro, Polícia Militar e ambulância, além do auxílio do Copom através do monitoramento com câmeras de segurança. O encaminhamento para hospitais será regulado pela central do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU). Aproximadamente 700 banheiros químicos serão disponibilizados ao longo do percurso. Equipes da Prefeitura farão a limpeza das ruas após o evento.



Segundo levantamento feito pelo Observatório do Turismo durante a edição de 2016, o gasto médio individual na cidade dos participantes entrevistados foi de R$ 1.502,91, considerando despesas com hospedagem, alimentação, transporte na cidade e lazer. Já os paulistanos gastaram, em média, R$ 73,82 na Avenida Paulista durante o evento.


leia também
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Enquete
O que você acho do Jornal São Paulo de Fato?

Está Ótimo
19962 votos - 63.2%

Bom
6426 votos - 20.3%

Está bem legal
4859 votos - 15.4%

Razoável
332 votos - 1.1%

facebook
twitter
© Copyright 2017 :: Todos os direitos reservados